domingo, 15 de setembro de 2013

Amargo Sabor do Silêncio


Trago calado em meu peito
O amargo sabor do silêncio
De quem teve os lábios lacrados
Por quem se achava mais sagrado

Refém de um esquecido passado
Massacrado por um silêncio forçado
Para não escandalizar o sagrado
Enterram-me no túmulo da impunidade
Santa protetora da maldade
Que em terra santa faz perecer a pureza
E a fé faz morrer com presteza.
Annie Wallker

4 comentários:

Copyright © 2014 Coisas de Annie